Melhores contas bancárias sem taxas em Portugal 2022

Uma conta bancárias sem taxas ou sem custos de manutenção pode ser difícil de encontrar, apesar de existirem várias opções em Portugal. Muita publicidade pode levar ao engano: muitas contas que se apresentam como gratuitas, isto é livres de mensalidade, não o são realmente, escondendo o custo de manutenção noutras funcionalidades que vêm incluídas no pacote.

No entanto as alternativas têm vindo a crescer, sobretudo com a chegada das fintechs e  operadores especializados a Portugal, como a Wise ou a Revolut, que aumentaram a competição no mercado e apresentam funcionalidades disruptivas, por vezes depois adotadas por outros operadores.

Descubra a conta WiseDescubra outros operadores

Contas sem comissão de manutenção em Portugal

Em Portugal é possível encontrar contas de operadores especializados sem qualquer custo fixo e também existem alguns bancos tradicionais a oferecer contas à ordem sem comissão de manutenção.

As fintechs que têm contas disponíveis em Portugal sem mensalidade são:

  • Monese

  • N26

  • Revolut

  • Wise

Já os bancos tradicionais com opções de conta sem custos de manutenção são:

  • ActivoBank 

  • Banco Invest

  • Best Bank

  • BiG

  • BNI Europa

  • moey!

  • Openbank 

Melhores contas sem custos fixos em Portugal

De uma forma ou outra, todos os bancos e operadores equiparados têm custos, que se podem traduzir numa mensalidade fixa, nos serviços que fornecem ou nas duas opções em simultâneo. Nesta análise analisámos vários critérios para que consiga perceber exatamente qual a conta que melhor se adequa às suas necessidades.

A comparação detalhada das contas inclui:

  • Taxas e montantes mínimos de abertura

  • Custos de transferências SEPA

  • Custos de transferências internacionais (para fora do espaço SEPA)

  • Cartões

  • Remuneração

  • Moedas disponíveis

Contas de fintechs sem mensalidade

Há várias fintechs que disponibilizam contas sem mensalidade no mercado português. A integração financeira que existe dentro da União Europeia favorece esta realidade, já que receber uma autorização de um banco central de uma dos países-membros permite desenvolver atividades em todos os outros.

A Monese e a Wise pelo Banco Nacional da Bélgica, a N26 pelo Banco Central Alemão e a Revolut pelo Banco Central da Lituânia são exemplos disso: estão todas habilitadas a operar em Portugal.


MoneseN26RevolutWise
Depósito mínimo de abertura0€0€0€0€
Transferências SEPA0€0€0€A partir de 0,41%
Transferências internacionais2,5% (3,5% ao fim-de-semana)Em parceria com a WiseTaxa variável sobre a transferências + Possível taxa dos bancos intermediários (+0,5% sobre a taxa de câmbio se ultrapassar os 1000 € / mês)A partir de 0,41% (conversões de moeda à taxa de câmbio comercial)
Cartões1 cartão de débito gratuito10 € pelo cartão de débitoCusto apresentado na aplicação conforme a morada de entrega8 € pelo cartão de débito
Levantamentos1,5 € por levantamento3 levantamentos gratuitos por mês (2 € de tarifa depois disso)

5 levantamentos gratuitos por mês - com um máximo global de 200 €

2 levantamentos gratuitos por mês - com um máximo global de 200 € 
Remnuneraçãon.a.n.a.n.a.n.a.
Moedas disponíveis313053

Vantagens e desvantagens das contas fintech sem mensalidade

Vantagens

A facilidade com que é possível abrir uma conta sem taxas nem depósitos mínimos, com processos simples e intuitivos, é uma das grandes vantagens das fintechs face aos bancos tradicionais. Em poucos minutos é possível abrir uma conta online e começar a movimentá-la em Portugal e dezenas de outros países.

O facto de poder ter saldo em várias moedas é outro ponto diferenciador. Neste particular destaca-se a Wise, com 53 moedas diferentes numa só conta, e a Revolut, com 30 moedas. Quem viaja com frequência pode ter nestas contas um aliado privilegiado que não só permite gerir melhor as suas finanças, diretamente na moeda do país onde está, como também pode gerar poupanças consideráveis, ao evitar as comissões dos bancos tradicionais para transações no exterior.

O envio de dinheiro para o estrangeiro também pode ficar consideravelmente mais barato com estas contas. Dentro do espaço SEPA destacam-se Monese, N26 e Revolut, com transferências gratuitas. Fora do espaço SEPA, há que salientar as transferências da Wise, com tarifas bartas e transparentes sempre à taxa de câmbio comercial (tal como a N26 que recorre aos serviços da Wise para este tipo de operação).

Ainda dentro das transações internacionais, o facto da conta multimoeda da Wise incluir detalhes bancários de vários países, para receber pagamentos como se fosse um local, pode ser um grande atrativo para quem trabalha com empresas de outros países ou desenvolve atividades no estrangeiro. A conta vem com detalhes bancários de 10 países diferentes, onde se destacam os Estados Unidos e o Reino Unido, para além do tradicional IBAN europeu.

Descubra as vantagens da Wise

Desvantagens

Os limites nos levantamentos são uma das desvantagens destas contas já que nenhuma permite fazer levantamentos ilimitados em Portugal (nos levantamentos no estrangeiro, por outros lado, estas contas podem ser bastante vantajosas).

O facto da maioria das contas de fintechs não ter vários serviços comuns nos bancos tradicionais, como serviços de crédito, cheques ou a possibilidade de fazer depósitos em numerário, pode ser um entrave para quem valoriza estas funcionalidades. 

Há que mencionar também que estas empresas não terem agências físicas: é quase tudo tratado à distância, em formato digital. Ainda que os serviços de atendimento ao cliente tenham frequentemente horários alargados face aos bancos tradicionais, a impossibilidade de expor a sua situação pessoalmente pode criar alguma entropia, sobretudo para quem está habituado a ir aos balcões bancários.

Resumindo: as novas contas desenvolvidas por fintechs de vários origens são cada vez mais populares e podem ser uma opção muito vantajosa para quem viaja frequentemente ou faz transações com o estrangeiro. A rapidez com que pode abrir uma conta faz a diferença para quem quer evitar a burocracia, com o revés de não haver agências físicas para poder expor as suas dúvidas e problemas pessoalmente.

Contas bancárias sem mensalidade

Há vários bancos tradicionais em Portugal que disponibilizam contas à ordem sem custos de manutenção. Tanto dentro dos principais grupos bancários (o ActivoBank faz parte do grupo Millennium BCP e o Openbank do grupo Santander, por exemplo) como em banco mais pequenos e especializados.

Na tabela abaixo pode comparar quatro das principais contas bancárias sem custos de manutenção no mercado português.


ActivoBankBNI Europamoey!Openbank
Depósito mínimo de abertura500 €1000 €0 €0 €
Transferências SEPA0 €1,56 € (transferências até aos 15 000 €)0 €0 €
Transferências internacionais0,17% (mínimo 20 €) | integração com a Wise para transferências mais baratas0,26% (mínimo 31,20 €)indisponíveis

15 € + 9,02 € (+0,2% de câmbio - custo mínimo de 3,01 €)

Cartões1 cartão de débito gratuito10,40 € / ano1 cartão de débito gratuito1 cartão de débito gratuito
LevantamentosGratuito e ilimitados na zona Euro | 4 € + 0,50% + 3,85% no resto do mundo Gratuito e ilimitados na zona Euro | indisponíveis no resto do mundoGratuito e ilimitados em Portugal | 1,7% no resto do mundo 5 levantamentos gratuitos na zona Euro | Levantamentos gratuitos nas caixas Santander em todo o mundo
Remnuneraçãon.a.0,1% para saldos entre os 1000 € e os 5000 €n.a.n.a.
Moedas disponíveis1111

Vantagens e desvantagens das contas bancárias sem mensalidade

Vantagens

Algumas destas contas permitem fazer grande partes das operações bancárias mais frequentes (levantamentos, pagamentos e transferências nacionais) sem qualquer custo nem mensalidade. Isto torna-as altamente competitivas para quem quer usar a conta sobretudo em território nacional e não precisa de realizar operações mais complexas. Ainda por cima várias delas incluem um cartão de débito gratuito.

As contas com transferências SEPA gratuitas ilimitadas podem ser um grande atrativo, já que boa parte dos pacotes tradicionais dos grandes bancos impõem um limite de transferências isentas de comissões. Neste aspeto destaque para ActivoBank, moey! e Openbank.

Não há muitas contas à ordem remuneradas em Portugal, que ao mesmo tempo sejam isentas de comissão de manutenção. Este é sem dúvida um grande diferencial da conta à ordem do BNI Europa.

Desvantagens

As operações no estrangeiro podem ter custos consideráveis com estas contas. Tanto as transferências, como os levantamentos e pagamentos fora da zona Euro implicam frequentemente comissões elevadas, às quais se podem juntar custos com bancos intermediários e taxas de câmbio desfavoráveis

Num mundo cada vez mais globalizado, o facto da maioria das contas dos bancos tradicionais só estar disponível em euros também é uma desvantagem face à oferta das fintechs

Os depósitos mínimos de abertura de ActivoBank e BNI Europa contrariam um pouco o conceito de conta gratuita e retiram flexibilidade a quem quer experimentar a conta para ver se se adéqua às suas necessidades.

Resumindo: as contas sem mensalidade dos bancos tradicionais são especialmente atrativas para quem precisa de fazer operações bancárias simples em Portugal. Como várias destas contas estão integradas em grandes grupos bancárias, também acaba por ser relativamente fácil contratar outros serviços e produtos, como créditos e investimentos. Ao mesmo tempo as operações no estrangeiro podem implicar custos consideráveis.

Como escolher uma conta sem custos fixos?

A primeira coisa a fazer é garantir que a conta não tem realmente qualquer mensalidade ou comissão de manutenção. Há contas que são promovidas como sendo “gratuitas”, mas trazem consigo a obrigação de um saldo mínimo ou de fazer um certo número de operações por mês. 

Depois deve listar as operações que pretende realizar com mais frequência (sejam elas levantamentos em Portugal ou no estrangeiro, transferências ou pagamentos com cartão, por exemplo) para perceber a conta mais atrativa para si, nesse particular. Não existe a conta perfeita: umas são mais competitivas em certas funcionalidades e outras noutras.

Caso viaje com frequência ou realize transações com o estrangeiro convém prestar atenção às tarifas escondidas. É frequente haver margens de lucro incluídas nas taxas de câmbio de bancos e operadores equiparados, para além de comissões avultadas e custos com bancos intermediários. Neste particular as contas de fintechs como a Wise e a Revolut são vantajosas face aos bancos tradicionais.

Ir para WiseConfira outros operadores

Documentos e elegibilidade

Boa parte das contas que lhe apresentamos acima têm processos de adesão simplificados. Se for maior de idade e residir em Portugal deve conseguir abrir qualquer uma das contas mencionadas com estes documentos:

  • Cartão de cidadão ou passaporte

  • Comprovativo de morada

  • Recibo de vencimento ou equivalente

A maioria dos processos de abertura podem ser completados online, em pouco tempo, com recurso a vídeo-chamada ou à validação dos documentos através da câmera do smartphone.

A quem se adéquam as contas sem comissão de manutenção?

As contas sem comissão de manutenção podem ser excelentes opções para quem se sente à vontade no mundo digital e não precisa de serviços bancários muito complexos.

Evitar a burocracia excessiva e a espera numa agência física são grandes atrativos para quem usa a conta para quatro funções-chave: guardar dinheiro, fazer pagamentos, transferências e levantamentos.

A competitividade é cada vez maior neste segmento e por isso é cada vez mais fácil encontrar uma opção adequada a casos de uso mais específicos.

As opções caso o seu banco não tenha uma conta sem mensalidade

Mesmo que o seu banco não ofereça uma conta sem custos de manutenção, tem hoje vários opções ao seu dispor, que não requerem a contratação de serviços bancários adicionais.

A facilidade de acesso das contas de operadores disruptivos como a Wise e a Revolut veio para ficar, tornando o acesso a contas sem mensalidade uma realidade para todos.

Conclusão

Tanto os bancos tradicionais como as novas empresas tecnológicas de serviços financeiros disponibilizam contas sem custos de manutenção em Portugal. Os primeiros podem ser mais adequados para quem quer fazer transações em Portugal, sendo as fintechs mais competitivas nas operações feitas no exterior.

Para além do nível de serviço elevado que é hoje possível obter de uma conta sem pagar mensalidade, destaca-se também a qualidade da usabilidade, que permite ter um controlo mais apertado sobre as suas finanças a partir de qualquer lugar. 

Caso esteja à procura de uma conta deste tipo, analise bem as nossas tabelas comparativas para descobrir se alguma das opções que aqui incluímos vai de encontro ao que procura.

Descubra a WiseCompare outros operadores

FAQ

Que bancos têm contas sem comissão de manutenção?

ActivoBank (grupo Millennium BCP), Banco Invest, Best Bank, BiG, BNI Europa, moey! (grupo Crédito Agrícola) e Openbank (grupo Santander) são tudo exemplo de contas bancárias sem taxas de manutenção em Portugal

Como manter uma conta à ordem sem taxas?

Mesmo que a conta à ordem não tenha comissão de manutenção, é provável que acabe por pagar por alguns serviços da conta. É uma questão de analisar as diferentes opções e ver qual é mais competitiva nos serviços que usa regularmente.

As contas à ordem pagam juros?

Não é frequente, mas neste guia apresentamos-lhe o caso do BNI Europa, que paga uma taxa de 0,1% (TANB) sobre os saldos entre os 1000€ e os 5000€.

Por Lucia Martin
Atualizado em 5 de setembro de 2022